0item(s)

Nenhum produto no carrinho.

Informações via Whatsapp
(11) 9 9904-3492

Visite nosso acervo

Product was successfully added to your shopping cart.

Sergio Fingermann

Desde 1953

Biografia

Sergio Fingermann(1953) iniciou estudos de desenho, sob a orientação de Ernestina Karman e depois com Yolanda Mohalyi. Em 1979 formou-se arquiteto, mas sempre se dedicou à s artes plásticas, em ritmo incessante, tendo atuado até como curador. Do seu longo currículo constam mostras no exterior: integrou coletivas no México, participou da Bienal de Artes Gráficas em Bradford (Inglaterra, 1982), da Bienal Internacional de Gravura, Cracóvia, Polônia (1984), da coletiva Gravura Brasileira, Grand Palais, França (1987), da coletiva Arte Contemporânea Brasil-Japão, Museu Central de Tóquio (1990), foi artista convidado da Bienal de Cuba(1991), da Bienal do Mercosul (2001) e da coletiva Casa de Cultura Judaica (SP, 2004), entre outras. No capítulo das exposições individuais, dentre outras, destacam-se mostras no Masp (1987), no MAM/RJ (1992), nas diversas filiais do Instituto Moreira Salles, a partir de 1996 (Poços de Caldas/MG, Belo Horizonte/MG, Porto Alegre/RS, São Paulo/SP e Rio de Janeiro, este último em 2001), na Pinacoteca de São Paulo expôs em 2001. Multipremiado, em 1980 Sergio Fingermann ganhou bolsa de viagem ao exterior no Salão Nacional de Artes Plásticas e 7 anos depois recebeu o prêmio de melhor gravador pela Associação Paulista dos Críticos de Arte. Sua obra mereceu 3 livros: em 1995, foi lançado Pinturas de Sergio Fingermann, BM&F, São Paulo, SP, em 2001, Fragmentos de um dia Extenso, BEI, São Paulo, SP, e ainda Elogio ao Silêncio e Alguns Escritos sobre Pintura, BEI, São Paulo, SP(em 2007).

Nenhum produto coincide com esta seleção.