1914 – 2010

Biografia

Pintor, desenhista, programador visual, gravador. Iniciou formação artística em 1926, sob orientação do pintor Enrico Vio (1874 – 1960), com quem estudou desenho e composição. Em 1937, formou-se em química industrial pelo Instituto Mackenzie. Começou a pintar em 1940 e, na década seguinte, realizou as primeiras pinturas concretas, além de trabalhar como desenhista têxtil e projetar figurino para o teatro. Em 1954, com Willys de Castro (1926 – 1988), fundou o Estúdio de Projetos Gráficos, elaborou ilustrações para várias revistas e desenvolveu estampas de tecidos produzidos em sua tecelagem. Viajou a estudo para a Europa em 1958, onde conheceu Max Bill (1908 – 1994), então um dos principais teóricos da arte concreta. Na década de 1960, convidado por Ferreira Gullar (1931), integrou -se ao Grupo Neoconcreto do Rio de Janeiro e participou das exposições de arte do grupo realizadas no Ministério da Educação e Cultura – MEC, no Rio de Janeiro, e no Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM/SP. Em 1960, expôs na mostra Konkrete Kunst [Arte Concreta], organizada por Max Bill, em Zurique. Entre 1963 e 1965, colaborou na fundação e participou do Grupo Novas Tendências, em São Paulo. Em 2004, o MAM/SP organizou uma retrospectiva do artista. Participou das 4º, 5º, 6º, 8º, 19º, 20º e 24ºBienal Internacional de São Paulo.

Hercules Barsotti
Hercules Barsotti
Nº15 - acrílica e areia sobre tela - medindo 80x60cm.- assinado e datado 2002 no verso. (Reproduzido no catálogo da exposição Galeria Frente, pág.126).
Hercules Barsotti
Hercules Barsotti
Nº17 - acrílica e areia sobre tela - medindo 50x80cm.- assinado e datado 2002 no verso. (Reproduzido no catálogo da exposição Galeria Frente, pág.125).