1941 –

Biografia

Astrid Salles – Formada em 1975 pela FAAP, em São Paulo, iniciou em 1959 estudos de Música e Artes Plásticas em Piracicaba/SP, sua cidade natal. Em 1978 colaborou na montagem do Museu de Arte Contemporânea de Americana/SP, onde lecionou desenho .Nos anos 80, em contato com índios do Xingu e incentivada por seu amigo Orlando Villas Bôas, dedica-se a pesquisas sobre o universo indígena brasileiro, especialmente seus grafismos. Em 1987, após sua individual na Europa, na Galeria F.Könning em Schleswig, Alemanha, o marchand alemão encomendou 120 telas da artista. Parte dessa coleção foi exposta em 1988 na individual no Centro Cultural Vergueiro, em São Paulo. Em 1989, pintou um painel para o BREVE HISTÓRICO: 1992 e 1997 – Galeria Painen – Berlim, Alemanha; 1994 – Retornou à Europa para duas exposições na Galeria Litera et Cetera e Kunsthaus Kluber – Weinheim, Alemanha; 1997 Individual – Galerie Zangbieri – Basel, Suíça; 1997 a 2006 – Chapel Art Show / Mostra anual – São Paulo; 1999 – A BASF adquire cinco pinturas para a sede da Empresa em Nova York.

PRÊMIOS – Nacionais: Salão de Penápolis/SP e Salão de Itanhaém/SP, Prêmio CLIO da Academia de História – São Paulo; Internacionais: Prêmio Brasil-Extremo Oriente, participando de mostra no Fine Arts Museum em Taipei, Taiwan. Fonte : inngallery

Astrid Salles
Astrid Salles
Composição - acrílica sobre tela - medindo 80x120cm.- assinado no canto inferior direito e datado 1998 no verso.
Astrid Salles
Astrid Salles
Sem título - acrílica sobre tela - díptico - medindo 80x100cm.- assinado no canto inferior direito e datado 98 no verso.